pesquisa google

Pesquisa personalizada

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Corrupção

A corrupção

Quem ja ouviu falar?
Mal que corrói a humanidade
Atinge grandes e pequenos
Atos de crueldade
Força negra
Assola a sociedade

Peste
Faz homens enfermos
Rouba lhes o caráter
Perdem todos os limites
A vergonha, a bondade
Embriagados de poder
Violando a sociedade
Roubando lhes
O amor, a confiança e a bondade

Negro e o coração do homem
Que pensa em tudo ter
Corrompe seu semelhante
Por orgulho, vaidade e poder

Pobre homem corrompido
De Ti não tenho piedade
Também causaste a ruina
De toda a sociedade '
Por sede de dinheiro
Te tornaste hoje
Escravo da maldade

Corrupto e corruptor
De mãos dadas
Um ama o poder
Outro ama o dinheiro
Simbiose perfeita
Somente conjugam o verbo ter

Delonir cavalheiro
Canoas /RS
22/09/2017

quinta-feira, 21 de setembro de 2017

A falta de amor

Bom dia.

Vivemos momentos de grande tensão nos dias atuais, por todo lugar ha rumores de guerra, desastres naturais, conflitos de intolerância das mais diversas, conflitos pelos msis diversos interesses,: todos pelo dinheiro".
Conflitos pelo poder, corrupção em larga escala, a ponto de falir uma nação.
O ódio está generalizado. O que se percebe e uma falta de amor nas pessoas, a desesperança assola a terra. E com isso uma energia negativa se forma na terra toda.
E o que mais preocupa hoje?
Uma guerra com destruição em massa?
Conflitos de extremismos religiosos?
A corrupção? "Ela não e exclusiva no Brasil ".
Vocês já notaram, que quanto  mais energia negativa se libera mais frequente e mais intensos os desastres naturais?
Ainda é possível  reverter tudo isso.
Cada um de nós carrega uma bomba de luz e amor.
Amor sim. O Amor e a resposta  pra tudo uma vez que tudo de ruim que esta acontecendo e exatamente pela falta de amor.
Corrupção.
Ganância desmedida. Onde se conjuga o verbo ter acima de tudo e todos.
Falta de amor.
Guerras.
Demonstração de poder. Onde os países através de seus líderes medem forças dizimando seus cidadãos, seus filhos.
Falta de amor
Intolerâncias
Religiosa, racial, social,sexual.
Falta de cuidar de si. E. Mais produtivo cuidar da vida alheia.
Falta de amor.
E preciso que aprendamos amar o próximo e a respeitar as diferenças. Podemos debater sim.
Mas respeitando que pensa diferente de nós.
Oremos todos nós para que haja uma mudança.
Mas principalmente. Que essa mudança se opere em nos mesmos. Que aprendamos a amar incondicionalmente a todos os seres. Até aqueles que nos desagradam. E que amando. Sejamos nós a luz que vai brilhar na terra.

Um bom dia com amor a todos

Canoas/RS

domingo, 17 de setembro de 2017

Livros digitais on


SUSSURROS NA ALMA

Queridos amigos convido vcs a prestigiarem a nova edição do meu segundo livro em e-book. O acesso a ele é gratuito, aguardo a visita de vcs e também a opinião carinhosa daqueles que quiserem deixar. Bjs.

Link do livro: https://www.luvbook.com.br/l/1802/




É com uma grande prazer e honra que apresento a vcs o trabalho de um grupo de amigos poetas e poetisas que juntos resolveram enfeitar o mundo com seus versos. Espero que vcs gostem de ler tanto quanto amamos escrever. Bjs.

Link do livro: 2 
https://www.luvbook.com.br/l/1801/

sábado, 16 de setembro de 2017

Coletânea. Elaine santos

Ah o amor...

Ah o amor
Não conheço nada melhor
Remédio que cura
Alegria que transborda
Felicidade que completa...

Ah o amor
Sorriso no rosto
Brilho nos olhos
Pensamentos leves
Paciência na espera...

Ah o amor
Corpo que arde
Boca que anseia
Sedução que aquece
Momento de delirar...

Ah o amor
Que nos pega
Sem avisar
E nos enfeita a vida
Fazendo tudo se encantar...

Ah o amor
Que chega de mansinho
Sem pedir licença
E se instala dentro de nós
Florescendo tudo ao redor ....

Ah o amor
Que domina o pensamento
Nos leva a sonhar
Deixando leveza no ar
Nos fazendo suspirar...

Ah o amor
Doce e meigo sentimento
Incita a  nos apaixonar
Com gestos simples
Todo mundo conquistar...

Ah o amor...

Elaine S Santos
Direitos reservados pela Lei 9.610/1998.

Quero ser sua

Quero ser sua
Em cada amanhecer
Em cada sorriso
Em cada pensamento...

Quero ser sua
Em cada olhar
Em cada beijo
Em cada noite de luar...

Quero ser sua
Em cada toque
Em cada gesto
Em cada gemido...

Quero ser sua
Em cada palavra pronunciada
Em cada verso escrito
Em cada poema completado...

Quero ser sua
Em cada sensação
Em cada satisfação
Em cada realização...

Quero ser sua
Em cada fim de tarde
Em cada suspiro
Em cada surpresa...

Quero ser sua
Em cada momento
Em cada acontecimento
Em cada contentamento...

Quero ser sua
Em cada sonho
Em cada delírio
Em cada dia vivido...

Eu quero ser sua
Basta você me aceitar...

Elaine Santos
Direitos reservados pela Lei 9.610/1998

Te prometo...

Te prometo
O abraço aperto
O beijo molhado
O olhar enamorado....

Te prometo
O corpo que arde
O desejo latejante
O prazer pungente....

Te prometo
O amor que conforta
O coração que abriga
O sorriso que acolhe...

Te prometo
O desejo insistente
O carinho que seduz
O apoio que ampara...

Te prometo
O toque que aquece
O cheiro que inebria
O silêncio que encanta...

Te prometo
O sentimento apaixonado
O olhar extasiado
O sonho realizado...

Te prometo...

Elaine S Santos
Direitos reservados pela Lei 9.610/1998

Inspiração e amor

Não posso deixar
De falar
O quanto seu querer
Me faz feliz
Com carinho
E afeto
Você  sabe como me encantar
Fazendo a cada dia
Eu mais me apaixonar
Sua voz determinada
Vem me mostrar
Quanto amor
Você pode me dar
Meu coração
Se expande
De pura emoção
Porque sente
Como é verdadeiro
Seu gostar
Trazendo paz e alegria
A minha vida permear
Nosso sentimento
Só aumenta
Sem se importar
Se existe
Uma longa distância
A nos separar
Pois nosso amor
É calmo e sereno
Como uma noite de luar
Que tem magia
E encanto
Sabendo bem
Como nos conquistar
Levando nosso
Relacionamento
Com dedicação aumentar
E fazendo com certeza
Nossa felicidade
Se consolidar...

Elaine S Santos
Direitos reservados pela Lei 9.610/1998.

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Setembro amarelo

Setembro amarelo, depressão e suicídio

Julho se foi
Agosto passou
Setembro chegou
Todo mundo fala,
Setembro amarelo
Mas quantos sabem
O seu significado,?
Setembro amarelo
Mês de combate
E prevenção ao suicídio
Como combater
Um inimigo invisível,
Que se esconde no íntimo do ser?
Que sinais procurar?
As vezes os problemas se avolumam
Que faz a pessoa a vida tirar.
Ilusão assassina
A depressão que toma de assalto
Mente e coração maltrata
E os despreparados
Olham o irmão que sofre
Taxando-lhe, afrescalhado.
Termo pejorativo
Para quem sofre calado.
Quantos tentam se ir
Em tentativas frustradas
De a morte se auto flingir
E quantos de voz
São os primeiros a julgar
Em comentários maldosos
Que a vítima de si
Quer atenção chamar
Soubessem todos
Que a depressão mata
Pra cada tentativa frustrada
Três logram êxito.
Estamos em nossa nação
O oitavo paiz no mundo
Com vítimas da depressão
Que exterminaram a si.
Cuidem de seus amigos
De seus familiares
Essa peste pandemica
Esta presente em todos os lares
Os sinais quando há
Vão desde a introspecção
A casos de graves
De auto mutilação
Não trate essas pessoas
Com desdém
Entregue a elas teu amor
Dedique tua atenção
Toda tentativa de ajuda
Nunca é em vão
Saiba que a depressão
Tanto fragiliza, mal trata
Que a vítima nso encontra conforto
Por fim se mata.
Setembro amarelo
O ano tem doze meses
A atenção  deve ser constante
O mal do século
Vitimisa a todo instante

Delonir cavalheiro
Canoas/RS
15/09/2017

terça-feira, 5 de setembro de 2017

O Povo brasileiro fala



Tem preço???

Sua dignidade tem preço? 
Ou sua indignação sai na própina?
Estamos sendo roubada  em vida, nos expõem  as  marselhas causando profundas   feridas.
Nosso povo sofre !! como boi no pasto pronto para o abate, esperando por um  homem comum no papel de  salvador para o  resgate .
Dignamente calados  resilientes  no abandono, que vem de longa data, desde lá do trono .
Senado ,câmara todos do congresso 
Planalto ,alvorada ,esplanada, jaburu ,todos idem no mal cumum,
Corrupção!!  ou em brasilheres um bando de ladrão.
Na cueca foi pouco, apenas um  troco ,a moda agora e na mala ,e o povo ? haaa !!ver tudo em cores e se calá .
15 de novembro proclamação da república !,foi ? .…tenho  eu minhas dúvidas .
Um dia ouviu-se um grito ;INDEPENDÊNCIA OU MORTE 
Nos deram dois caminhos mas  uma só sorte .
Próximas eleições não me peça paciência, farei eu a diferença, votarei usando as lembranças delatadadas, gravadas na memória eternizadas na consciência

MP Nascimento

Meu Brasil brasileiro
De belezas mil
Anda cinza e sufocado
Está sofrendo o meu Brasil 

Está sendo roubado
É  tanta corrupção... 
Desvalorizado, pobre coitado
Está carente de atenção

Tanta luta para ser livre
Tanta morte pelo voto direto
Que pena, seu povo disso esqueceu
E agora sofre quieto 

A saúde deficiente
A economia anda pobre
As matas desmatadas
A educação já quase morre.

Celeiro do mundo, já ouvi dizer
Não sei bem se esse é o nome
Pois abastece o mundo todo
E os seus filhos passam fome

Não quero citar caipirinhas
Do Carnaval não quero falar
País do samba?
Não vou nem comentar...

Queria que minha Mãe Gentil
Não tivesse sido adulterada
Por seus filhos gananciosos
Não tivesse sido tão roubada.

Apesar de tudo isso sinto ainda esperança 
Sinto que ainda há um jeito 
Eu amo meu Brasil
Esse amor mora em meu peito.

Espero ainda um dia
Quando alguém me perguntar
"Que país é este?"
Eu orgulhosa poder do Brasil falar

Vamos lá, filhos da Pátria 
Vamos fazer revolução
Vamos derrubar quem nos mata aos poucos
Vamos levantar nossa Nação!

Adriana Porto 

Nossas cores?

Eu queria falar das coisas bonitas
Do verde bem verde
Queria falar do anil
Queria falar bem do Brasil

Pensei em falar do nosso ouro
Mas ele já não é nosso, foi fruto de roubo
O branco da paz... há muito tempo jáz

E por aí vai...

Adriana porto

O Brasil-

Não, o pais é igual ao dos tempos de menina ou juventude; Apenas a sociedade mudou drasticamente!
A imagem do Berço Esplêndido, não é a mesma, embora, o Brasil seja a Nação que queremos abraçando o porvir.
Um país que finalmente tenha orgulho da bandeira que mostra as estrelas representando seus estados.
E como estrelas, esses possam mesmo brilhar, no céu varonil, desse nosso pais, que um dia recebeu o nome de Brasil.
Amo minha Pátria.
E espero os dias melhores que ainda virão!
Pois como boa brasileira, não perco a esperança verde, traduzida somente como as matas na bandeira; Mas, tudo é como enxergamos...
Eu sou verde de esperança.
Sou azul da tranquilidade do povo, quando esses dias chegarem.
Sou a paz de dias serenos, brancos como as garças sobre nossos rios e lagos.
Sou amarela, não pelo ouro da época da extração... Sim, pelo Sol que encobre com seu brilho, e calor, essa nossa terra.
Sou pátria verde amarela.

Fátima  Abreu
Fatuquinha

Brasil, triste realidade!

Gostaria de estar aqui
Para essa data comemorar
Mas não posso
Esquecer que motivos
Para isso não há...

Nosso povo sofrido
Só consegue chorar
Num país degradado por vilões
Que neles não conseguem pensar...

É lastimável saber
Que toda riqueza que aqui há
O povo não pode utilizar
Porque dele foi arrancada sem dó...

Infelizmente o que sobra
Ao honesto é lutar
Para com nossa união em torno
Do justo poder salvar...

Da escória e bandidagem
Aquilo que nos restou
E tentar nos reerguer
Para uma pátria melhor fazer...

Pensemos com sensatez
E saibamos futuramente votar
Para limpar nosso lar
Dos políticos que aqui estão...

Não permitindo
Que eles se reelejam
E continuem vilipendiando
Nossa imensa nação...

Brasília/DF
07/09/2017

Elaine S Santos
Direitos reservados pela Lei 9.610/1998.

Brasil das maravilhas

Brasil, pais das maravilhas naturais e de um povo tao receptivo.
Que transforma toda a tristeza em alegria.
Que nao se deixa abater por esse periodo negro da nossa historia em que nossos representantes roubam o povo que os elegeu descaradamente e ainda assim achamos espaço para pensarmos em futebol e carnaval.
Somos muito mais do que isso tudo que falam de nos desde a independencia.
Somos fortes, valorosos e lutamos diariamente contra tudo o que nos rouba a esperança de que o Brasil se torne de fato um dia um pais mais justo para o seu povo.
Enfim, se torne um pais que nao exclua os brasileiros.

Dra Lilian

Por ti lutarei até o fim... Amado Brasil

Brasil de tantas cores
De carnavais
De diversos sabores
De climas quentes e tropicais

És, acima de tudo, meu manto sagrado
Apesar de algumas pessoas de lei
Ter me causado desagrados
Continuas, soberano como rei

Por ti, ainda luto
Pois, sei que meu coração aqui morrerá
Pátria amada, reina por ti,
O meu amor absoluto
Independentemente deste ladrão
Tirar de mim o meu ganha pão

Confio que vencerei afinal
Triunfarei sobre este mal
Certo dia, voltarás ao normal
O mesmo aconhegante país
Que me fez crescer feliz

A ti não abandono
Pois, também sou teu dono
Daqui nem morto saio
Nem por nenhuma derrota desmaio

Manterei-me forte
Apesar da iminente morte
Braços fortes terei
Com unhas e dentes te defenderei

Serás sempre a minha pátria amada
A minha terra adorada
E não importa o que façam a ti
Eu viverei aqui
Por ti,
Até chegar o meu fim !

Fernando Martinho

Sete de setembro

Dia da independência da nossa pátria amada!
Dia em que Dom Pedro, o futuro Imperador, bradou as margens do Ipiranga:
Independência ou Morte!
Desde então o povo brasileiro acreditou que a liberdade lhes daria um norte e abraçariam a sorte!
O Brasil deixou de pertencer a Portugal, mas, continuou nas mãos dos homens sem moral!
Triste realidade!
Séculos se passaram e a situação não muda,
É tanta coisa absurda!
O povo madruga vai à luta,
Enfrenta trânsito congestionado,
Ônibus lotado...
Sorte do trabalhador que for sentado...
Povo de garra cheio de coragem,
Não foge a luta
Encara a labuta
Chega em casa tarde e cansado,
Come um bocado,
Deita para o descanso justo!
Acorda no meio da madrugada,
Com o som das rajadas!
É bomba pra todo lado!
É o som dos desocupados,
Explodindo o patrimônio dos pobres coitados!
Onde vai acabar essa zueira?
É muito descaso com a população brasileira!
Está dado o recado!
Ouviram da nação brasileira um Brado de Socorro!
Ouçam a voz de um povo que luta por um governo novo!
O Grito do Imperador nos céus do Brasil ecoou e nada mudou!
Cabe  a  nação brasileira abrir o coração e bradar em alta voz: Senhor tem Piedade de Nós!
A melhor arma é as mãos levantadas e os joelhos no chão!
Clamemos em oração:
Senhor salve a nossa nação!

Li Barbosa

Ordem e retrocesso.

Em tempos de coronelismo.
Calam-se quem algo poderia fazer!
Ir as ruas declarar seu amor, honrar o país.
Confesso, muito me emocionei com homenagens a Pátria Amada.
Hoje porém, me acovardei!
Meu civismo ou seu patriotismo não aplaudirei.
Embora, toda beleza das homenagens aconteça pela dedicação e coragem dos mestres professores!
Que ensinam inclusive reverenciar a bandeira, neste caso a brasileira.
Com lágrimas no olhar e triteza no coração.
Vejo em nossa bandeira a descrição.
Ordem e retrocesso! Regresso, retalhação...
Federalismo, destruição!
Quando pensamos que não pode piorar, desrespeitam a legislação.
Representando meu estado, o coronel é aliado e comtempla a execução.
Professor contratado é horista, quiçá concursados existirá!
O Brasil está condenado a ser denominado.
País sem educação!
Jovens sem reflexção.
Idodos sem futuro.
E as crianças sem educação.
E o povo sem nação!
Nossa amazônia e parte de fraude e negociação.
Fazem projetos de proteção, até divulgam se nada fazer 2020  água será escasses.
Vendem a mata nativa, fonte de preservação, entenda o jogo. Por no bolso riqueza sem ser chamado ladrão.
Haja visto a volência crescente. Completa  inversão de valores.
Se matam o policial, repercute a região, se for um bandido é notícia no estrangeiro. Pois é são os "direitos humanos"!
Pobre país, da contradição.
Falcatrua e roubo será conteúdo de história!
Penalizaram a única mulher que à presidiu.
Absolveram o temeroso.
Nítido jogo de interesses e préconceitos.
Pior que guerra declarada seja, militar ou civil é o desmando dessa cambada insana, que presidem o Brasil.
Oh! Patria Amada.
Desesperada, galgue, galgue...
Dia de comemorar a dependência.
Infelizmente essa letra a define!

Que país é esse... Legião Urbana.

Rita Arruda
PEDAGOGA
LAGES SC
07/09/2017

Brasil, rumo ao precipício...

Sobre os trilhos sujos desse Brasil
Percorro uma imensidão
Quilômetros de martírio inteiros
Norte, sul, leste e oeste
Está tudo deplorável
Meus pensamentos viajam
Tomam rumo à estações temporais
Vão de lado a outro nas cidades
Vejo desigualdades...
Inerte a minha volta
Da janela do trem
Com o gigante de metal em disparada
Retrocedendo à evolução humana-social
Refletindo a involução constitucional
Vou além das paisagens que posso enxergar
Sigo viagem por estados inteiros
Populações atoladas em suas lamas
As dificuldades tomam conta da situação
Corrupção!
Sinto o cheiro putrefacto da roubalheira
E em todo canto, pessoas vagueiam sem rumo e sem direção
Alienados e perturbados
Perdidos nessa nação...

Falta de segurança, fome, miseráveis escondidos
Maquiagem nos defeitos
Isso, só para gringo não poder ver
Barracos à beira da ferrovia
Derribados na miséria
Violência constante
Tiro, bala perdida, arrombado ainda mais a ferida...
Antros de drogas
Por todos os lados
Imundice, uma bodega só...
Todo dia nos deparamos com esse tumor da sociedade
Essa mazela que a cada dia adoece mais
Como em toda nossa pátria desamada desgraciosa
País refém de si mesmo
Algemado à mercê de fulanos e sicranos engravatados
Só esperando um milagre acontecer...
Um País, cujo sinônimo é carnaval e futebol
Estereótipo porco
Somos muitos mais que meros festivais ou esportes...
Somos uma nação de Brasileiros que jamais irão desistir
Somos a perseverança!
Brasil, muda sua cara!

Felippe Lacerda

https://youtu.be/MfIdOfeWK2A

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Terra brasil


Terra brasil

Oh!  Brasil que resplandece 
Tua terra tem mais beleza
Dentre todas as nações
Esta no povo tua riqueza
Tens verdes vales a encantar
Rios que correm cantando
Para chegar ao mar
Riquezas em tua terra
Ouro e diamante.na terra, brotando
Brasil, oh terra brasileira
Brasil de todas as cores
Brasil de todas as raças
Oh brasil!!!!!
Por ti meu Brasil
Eu Morro de  amores
E ainda que alguns  tentem te chafurdar
Tu és  O Guerreiro
Solta vosso brado retumbante
E hora de levantar
E para te defender dos filhos ímpios
Por ti Brasil,  vou lutar
Defender o futuro dos brasileirinho
Brasil.
Celeiro do mundo
Brasil menininho
Teu nome e Brasil
Oh gigante varonil

Delonir cavalheiro
Canoas /RS

sábado, 2 de setembro de 2017

Breve encontro de almas

Breve encontro de almas

As vezes nos deparamos
Com situações inusitadas
Um encontro casual
Também faz parte da jornada

Pessoas que aparecem
Como vindas do nada
Nos trazem Luz
Nós trazem graça

Pode ser, uma pessoa qualquer
Um encontro de Almas
Que brevemente se tocam
Mas que trazem calma

Não importa quem 
Importa a mensagem que traz
De aprendizado, de luz
Ou mensagem de paz

O importante nesse breve encontro
E aproveitar essa breve oportunidade
desse encontro de Almas
Que se tocam pela eternidade

Algumas vezes mensagem
Outras vezes mensageiro
Em todos os encontros
O toque e passageiro

E na despedida
Como irmãos  se abençoam
Seguem sua jornada
Almas que no amor divino
Ressoam

Delonir cavalheiro
Canoas /RS
29/08/2017

terça-feira, 29 de agosto de 2017

Coletânea Fernando Martinho

O PODER DAS PALAVRAS

Saiba que suas palavras
podem Edificar ou destruir
Que elas podem Curar ou ferir Portanto,
pense muito bem antes de falar Pense muito bem antes de agir Uma vez que as palavras
foram expostas ao ar
Elas tendem a consumir
Por isso, pense antes de agir
Saiba silenciar
Quando você não tem
Nada de bom pra falar
Pois, suas palavras podem ser
O começo, mas também o fim

JAMAIS DESISTA

Pode ser que você
Não chegue a lugar nenhum
Pode ser que você Tenha nascido pra ser apenas mais um
Mas, mesmo que seja assim Você não deve almejar o fim
Há muitas coisas por vir Tende bom ânimo para prosseguir
Estou certo que Deus te criou Para semear o amor
Estou certo que assim Deus te fez Para que você seja a bola da vez Então, não se entregue ao pessimismo
Ao minimalismo
Engrandeça-se
Torne-se único neste mundo Mesmo que tudo esteja contra você Permita-se viver
Existem muitas coisas que você pode fazer
E todas as respostas que você procura
Estão bem dentro de você

Pedras, espinhos e Rosas pelo caminho

Ninguém disse que a jornada seria fácil.
Ninguém disse que a jornada seria tranquila
A vida nunca será um prefácio Nem tampouco fácil como você imagina

Existem pedras no caminho Existem flores com espinhos Existe o próprio egocentrismo

Ninguém disse que seria fácil caminhar
Nem tampouco que era garantido chegar
A vida é uma passagem só de ida E mesmo a morte Não é propriamente a melhor saída

Aprender a viver é preciso
Para se chegar ao paraíso Aprender com os próprios erros Com uma carga enorme sobre seu cerro

Ninguém disse que a vida seria leve
Nem tampouco que seria breve Quem vive mais Sofre mais
Em contrapartida
Aprende mais
Viver é uma arte Perder faz parte

Tudo nela é questão de ponto de vista
De como você encara os dilema Impostos em sua vida
Tudo é questão de equilibrar
De dosar
Haverão dias ruins
Tanto pra você Quanto pra mim
A jornada pode ser longa pra uns Ou curta demais para outros

Porém, toda recompensa Sempre exigirá esforço

VONTADE DE VENCER


Grande deve ser

Sua vontade de vencer 

Pequeno deve ser

Seu medo de perder 


Grande deve ser

Sua luta por conquistas 

Pequenos devem ser

Seus pensanentos pessimistas 


Grande deve ser 

Sua admiração pela vida

Pequena deve ser

Seu pensamento minimalista


Opte por colocar em sua mente somente o que acrescenta e edifica. Exclua os pensamentos negativos. Dê um fim ao pessimismo. Coloque bons sentimentos em tudo o que você fizer. A vida se torna melhor quando desejamos pra nós o melhor.


Nando


30-08-2017Fernando Martinho 

29-08-2017

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

Você me faz falta

Você sabe  a falta que me faz?
Acordar e te ver sorrindo
Receber teus beijos e abraços
Enquanto  o dia vai surgindo

Eu amo quando me agarra
Implorando para ficar
Quando da cama saio
Me sussurra ao ouvido
Volta., vem me amar
E como se fosse canto da sereia
Ipnotisado.
Me rendo a teus encantos
Volto pra cama
Enfeitiçado

Ah!!! Como eu te amo
Teu sorriso a me dominar
Teu corpo nu
A me chamar
E eu? Criança
Brinco no teu fogo
A me queimar

Ah sim. Eu realmente te amo
Como se mais nada importasse
Exceto estar a teu lado
Como se me dominasse
E eu submisso
Cedo a tua vontade
Nos teus lábios
Me esqueço de verdade
No teu corpo
De amor fico extasiado

Antes de partir
Te deixo sorrindo
Admiro a Nudez dó teu corpo
Convite ao amor
Com dor no peito
Vou partindo

Teu amor me acalenta
Alivia meu corpo cansado
Espero a noite chegar
Quando a noite
Sou teu
novamente  apaixonado

DELONIR CAVALHEIRO
Canoas/RS