pesquisa google

Pesquisa personalizada

segunda-feira, 17 de novembro de 2008


sentado no meu quarto
lembrando doces momentos
de alegria e magia
doces encantos
sonhar acordado
teu corpo perfeito
nossos labios colados
nosso amor não tem jeito
teu corpo suado
sexo queimando
de desejo molhado
tezão não contido
entre grandes labios
de teu corpo escapando
molhando meus dedos
que em teu sexo passeiam
afastando grandes labios
dentro de ti vagueiam
arrancando de voce
gemidos e sussurros
berros ouvidos no fim do mundo
de um gozo alucinado
e profundo
volto acordar
e no silencio de quarto
continuo a te esperar

Postar um comentário